Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
antevisões
Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020

Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020

Jogámos três das novas modalidades olímpicas, e estas são as nossas primeiras impressões.

  • David Caballero & Juan A. FonsecaDavid Caballero & Juan A. Fonseca

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Se há algo que não costuma faltar nas consolas da Nintendo são party-games, mas não é essa na realidade na Nintendo Switch. Existem algumas opções, sim, mas nada que se compare com o que vimos no passado. Este tipo de jogos não são normalmente os mais apetecíveis para o jogador "hardcore", mas são essenciais para oferecem uma experiência multijogador divertida, com amigos ou com família.

É assim que entra em cena Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020, pronto para ajudar a remediar essa seca de party-games na Switch. Numa produção liderada pela Sega, com input da Nintendo, Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020 vai apresentar algumas novidades em relação a Mario & Sonic at the Rio 2016 Olympic Games, que nós já experimentámos.

Do que vimos e jogámos até ao momento, Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020 parece mais um party-game que um jogo de desporto, mais até do que é habitual na série. Isso parece-nos uma boa idea, já que o conceito anterior acabava por ser algo desinspirado e tornava-se aborrecido. Assim, com eventos mais variados e diferentes esquemas de controlos, Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020 pode vir a encontrar um bom equilíbrio entre Super Mario Party e as melhores partes de Wii Sports/Resort, talvez até conseguindo apresentar uma boa homenagem a Track & Field, o Padrinho dos jogos baseados em modalidades olímpicas.

O novo Mario & Sonic at the Olympic Games vai incluir um total de 24 mini-jogos - 21 inspirados por modalidades reais, e três fictícios. Destes 24, contudo, apenas quatro serão realmente novos, nomeadamente Skate, Karate, Surf, e Escalada. Desses quatro tivemos a oportunidade de experimentar três, mas é importante que os outros que não vimos apresentem remodelações, que tragam algo novo que não tenhamos visto no passado. Nesta demo jogámos Skate, Karate, Surf, Tiro com flecha, e Corrida de obstáculos, e a nossa impressão foi mista.

Tiro com flecha
Gostámos imenso desta modalidade, que nos lembrou de alguns momentos fantásticos que tivemos com o Wii Sports Resort. Os controlos via sensor de movimentos funcionaram bastante bem, e não é preciso grande imaginação para fingirmos que estamos realmente a levantar um arco e a puxar flechas com os Joy-Cons. Além dos controlos e da pontaria, existem outros fatores que devem considerar, como a distância mais a direção e a força do vento. Por ser tão intuitivo e divertido, pode tornar-se num dos favoritos quando partilharem da experiência com amigos ou familiares.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Corrida de obstáculos
Este é um clássico, que não podia faltar em Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020. Aqui podem escolher várias formas de assumir o controlo, seja através do sensor de movimentos, ou recorrendo apenas aos botões. Neste formato podem partilhar da experiência com um segundo jogador, dividindo os Joy-Con. Infelizmente, na demo só tivemos a oportunidade de jogar com os controlos de movimento, que neste caso não funcionaram tão bem como no Tiro com flecha.

Skate e Surf
Estes dois novos eventos são muito semelhantes entre si, o que é natural, já que são duas modalidades que se passam em cima de pranchas. No caso do Skate, existe uma clara inspiração em jogos como Tony Hawk Pro Skater, misturada com os jogos de Skate da Wii, onde o Wii Remote era usado para simular a prancha. Isto significa que vão usar o Joy-Con para controlar o equilíbrio da prancha, os ângulos, os truques, e outros fatores semelhante. O conceito em si parece engraçado, mas a execução tem de ser afinada para realmente funcionar eficazmente. No caso do Surf, que funciona de forma semelhante, os resultados pareceram-nos excessivamente aleatórios.

Karaté
Infelizmente encontrámos problemas semelhantes na modalidade desta arte marcial. Em termos visuais parece ser muito engraçado, apresentando as várias personagens icónicas de Mario e Sega nos seus kimonos, mas mais uma vez encontrámos problemas ao nível de tempo de resposta dos controlos. Neste caso até jogámos com os botões de forma tradicional, mais próximo de um jogo de luta, mas o resultado não foi muito satisfatório.

A Sega precisa de melhorar a eficácia e os tempos de resposta dos controlos de movimento do Joy-Con, porque esse foi o principal problema que encontrámos durante o nosso tempo com o jogo. Se a Sega conseguir remediar estas questões, então é possível que Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020 se venha a assumir como uma das principais alternativas no género 'party' na consola, ainda que dificilmente venha a atingir a qualidade dos melhores títulos party da Nintendo.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020
Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020
Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020Mario & Sonic at the Olympic Games Tokyo 2020