Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Gamereactor
antevisões
Battlefield 2042

Battlefield 2042 - Impressões da versão beta

Depois de várias horas a jogar Battlefield 2042, isto é o que pensamos do seu potencial.

HQ
HQ

A DICE escancarou finalmente os portões das versões beta de Battlefield 2042 ao público geral, permitindo experimentar o modo Conquest no mapa Orbital. Jogámos a versão PC, que permite 128 jogadores no mesmo mapa, o mesmo número que as versões PS5 e Xbox Series X|S (PS4 e Xbox One estão limitados a 64 jogadores por mapa). O resultado, com tanques, aviões, helicópteros, e tornados à mistura? Caos divertido, mas com alguns problemas.

Orbital é um mapa massivo, provavelmente o maior que a DICE já criou para o modo online de Battlefield, e inclui grande destruição com um grafismo impressionante. Ver jogadores a correrem de um lado para o outro como baratas tontas, aviões em confrontos aéreos nos céus, e tanques a serem levados pelo tornado, foi realmente divertido, embora esse elemento do tornado aconteça apenas de forma aleatória e - segundo a DICE - em apenas cerca de 10% das partidas.

O ponto que mais distingue Orbital é o enorme foguete que parece pronto a descolar. Dependendo do lado em que calham, os jogadores podem tentar destruir ou proteger o foguete, embora isso não seja realmente uma condição de vitória. Se o foguete for destruído, toda a área à sua volta será destruída e todos os jogadores e veículos serão incinerados. Por outro lado, se o foguete for lançado com sucesso para o espaço, essa área tornar-se-á mais amigável para aviões e helicópteros.

Como o mapa é massivo, os jogadores podem pedir o envio de veículos para ajudar a navegar o ambiente. Cada tipo de veículo tem no entanto um custo de pontos, que terá de ganhar ao longo da partida. Por outras palavras, quando melhor jogar, melhores serão os veículos a que terá acesso. Isto também diminui um pouco o caos da partida, já que impede que estejam 128 tanques e aviões a circular de um lado para o outro.

Battlefield 2042

Esta versão beta permite aceder a quatro operativos diferentes: Boris, Mackay, Casper, e Falck. Cada operativo tem os seus próprios acessórios e armas iniciais, que ajudam a determinar o estilo de jogo. Mackay, por exemplo, tem acesso a um gancho que lhe permite chegar rapidamente a locais elevados, perfeito para se posicionar com a espingarda de longo alcance. Por outro lado, Falck tem acesso a um pacote de assalto mais equilibrado, e consegue curar os seus companheiros. Dentro dos pacotes de cada operativo terá também algum espaço para personalização, como trocar uma granada por um sensor de movimento, por exemplo.

No próprio campo de batalha também pode alterar vários elementos das armas, incluindo a mira e o cano, para que ajuste ao pormenor o seu estilo de jogo. Tudo isto feito através de uma interface acessível e informativa, relatando estatísticas em termos de como cada arma, acessório, e modificação funciona em termos de cadência de tiro, alcance, e pontaria, entre outros detalhes semelhantes. Isto parece ser particularmente interessante para os jogadores mais experientes, que podem adaptar-se às diversas situações que irão encontrar durante a partida, seja em confronto aberto com veículos, ou em combates interiores de espaço reduzido.

Dito isto, parece evidente que o jogo ainda está a precisar de ser equilibrado, já algumas armas, munições, e acessórios não funcionaram tão bem quanto esperaríamos, nem de acordo com o que estava a ser demonstrado nas estatísticas. Também encontrámos inúmeros problemas gráficos e bugs, desde carros enfiados no solo ou em edifícios, a personagens com braços e pernas a abanarem por todo o lado. Aliás, a internet está já cheia de vídeos a mostrar problemas hilariantes.

Segundo a DICE, esta versão que os jogadores estão a experimentar já tem alguns meses, e o jogo estará já num estado muito mais estável e equilibrado. Esperemos que sim, porque o lançamento está marcado para 19 de novembro, e com CoD: Vanguard e Halo Infinite à perna, Battlefield 2042 não se pode dar ao luxo de causar má impressão durante o lançamento (algo que aconteceu com quase todos os Battlefield). Mas é inegável que há aqui grande potencial, e existem realmente momentos espetaculares que nunca vimos noutros jogo online. Resta ver como se comportará a versão final.

HQ
Battlefield 2042Battlefield 2042
Battlefield 2042

Textos relacionados

0
Battlefield 2042Score

Battlefield 2042

ANÁLISE. Escrito por Kieran Harris

Não existe qualquer campanha de história, mas o online tem grande potencial.



A carregar o conteúdo seguinte