Português
Gamereactor
antevisões
Apex Legends

Apex Legends Legacy - Primeiras Impressões

Uma nova Lenda, um piscar de olho a Titanfall, e um modo de jogo inédito, são os destaques da próxima temporada de Apex Legends.

HQ
Apex Legends

É a 4 de maio que vai chegar Legacy, a próxima temporada de Apex Legends, que promete ser uma das mais entusiasmantes. Em parte isso deve-se à nova Lenda Valkyrie, que tem ligações muito claras aos jogos Titanfall, mas as novidades que vão ser introduzidas em Olympus, mais um modo de jogo diferente de tudo o que vimos anteriormente no battle royale, são também pontos dignos de atenção.

Denominado de Arenas, o novo modo de jogo promove partidas a eliminar de 3v3, que se aproxima mais de algo como Rogue Companydo que exatamente de uma partida clássica de Apex Legends. Em Arenas pode escolher a sua Lenda como sempre, mas depois é colocado numa fase de compra de armas e acessórios, tendo um certo número de recursos para gastar. Depois, a partida é disputada em áreas muito menores de jogo, escolhidas especificamente para confrontos mais curtos de 3v3 (Arenas será lançado com três mapas, mas estão planeados mais uns quantos).

O conceito é simples: eliminar a equipa adversária para ganhar uma ronda. Ganhe três rondas, com uma vantagem de duas rondas (3-0 ou 3-1), e sairá vitorioso da partida. Caso o adversário ganhe duas rondas, a sua vitória terá de ser 4-2 ou 5-3. Por fim, se as duas equipas chegarem a 4-4, ganha quem vencer a ronda seguinte, sem necessidade de ter uma vantagem de duas rondas. Entre rondas terá acesso à fase de compra, onde pode gastar os recursos que ganhou durante a ronda anterior.

Além de ser bastante divertido e um modo de jogo perfeitamente válido por só, Arenas pode ser também encarado como um excelente treino para o battle royale, sobretudo para aprender a trabalhar em equipa e as particularidades de cada Lenda. Existem, contudo, algumas diferenças. Por exemplo, para usar as habilidades da sua Lenda precisa de comprar cargas específicas durante a fase de compra. Ainda assim, parece-nos que Arenas é um ponto de entrada fantástico para quem não está familiarizado com Apex Legends.

HQ

Para muitos jogadores, o principal atrativo de Legacy será Valkyrie, uma Lenda com ligações fortes a Titanfall. Trata-se, afinal de contas, da filha do vilão do primeiro jogo, Viper, embora aqui apareça já bem crescida e com plenas capacidades para conquistar um papel de destaque. Nas suas costas tem um jetpack, construído a partir de peças de Titãs, o que lhe confere grande agilidade e movimento, na horizonal e na vertical. Não é à toa que se encaixa na categoria Recon, já que é perfeita para observar o terreno e identificar os oponentes.

Não pode, contudo, voar como quer - apenas uma curta distância antes de ficar sem energia. Quando se esgota, tem de ficar no solo durante algum tempo à espera que a barra de energia do jetpack se encha de novo. Ofensivamente tem ao seu dispor Missile Swarm, uma habilidade que dispara 12 mísseis, não sobre um inimigo, mas sobre uma localização específica - ideal para causar dano a vários inimigos ao mesmo tempo. Quanto ao Ultimate, Skyward Dive, coloca não só Valkyrie no ar, mas até os seus companheiros, deslocando-os para uma área indicada no mapa. Uma fantástica habilidade com muita utilidade, ideal para apanhar de surpresa uma equipa adversária, ou escapa de perigo, por exemplo. Em última análise, Valkyrie parece-nos ser uma excelente adição ao elenco, mas de forma equilibrada.

Permita-nos ainda referir as mudanças que serão aplicadas a Olympus, o terceiro mapa acrescentado ao modo battle royale. Agora existem trepadeiras a cobrir partes do mapa, e uma nova despenhada que pode explorar, embora não tenha muita coisa lá dentro. Para dizer a verdade não é a remodelação mais entusiasmante que já vimos num mapa de Apex Legends. Depois há a nova arma, Bocek Bow, o primeiro arco desse tipo a chegar ao jogo. Como é a arma mais silenciosa do jogo, pode ser difícil de enfrentar, especialmente porque as flechas chega rápido e longe, e causam muito dano.

Tudo considerado, Legacy parece-nos uma temporada altamente promissora para Apex Legends. As mudanças e adições, encabeçadas por Arenas, são um sério motivo para estarmos entusiasmados com o futuro deste battle royale desenvolvido pela Respawn, especialmente porque o diretor do jogo Chad Grenier mencionou recentemente que existem outros modos em desenvolvimento, e que a ideia passa por permitir a Apex crescer para lá do battle royale. Com olhos postos no futuro, Legacy parece ser o primeiro passo em direção a uma nova era de Apex Legends.

Apex LegendsApex LegendsApex Legends
Apex LegendsApex LegendsApex Legends

Textos relacionados

Apex LegendsScore

Apex Legends

ANÁLISE. Escrito por Mike Holmes

Ao contrário de outros battle royale, Apex Legends não veio apenas para fazer turismo.



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.