Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Gamereactor
análises
Marvel's Guardians of the Galaxy

Marvel's Guardians of the Galaxy

É um bom jogo de ação, a espaços melhor que os filmes, que apenas tropeça em alguns problemas técnicos e alguma repetição.

HQ
HQ

Sabemos que Marvel's Guardians of the Galaxy não tem tido um grande entusiasmo em torno dele, e nós próprios confessamos que não era um dos nossos jogos mais esperados para este período, mas a verdade é que nos surpreendeu. Marvel's Guardians of the Galaxy é um belo jogo de ação, que em vários aspetos chega a ser superior aos filmes dos Guardiões. O primeiro filme é considerado um dos melhores do Universo Cinemático da Marvel, mas o segundo já cansou um pouco, e isso deveu-se a um exagero no enredo e no desempenho dos atores.

O jogo é diferente, apresentando uma história com um equilíbrio mais conseguido entre charme, humor, drama, e ação. Sim, é verdade que nem todas as piadas resultam e existem alguns momentos forçados na história, mas tudo move-se a um ritmo tão porreiro que essas falhas nunca têm muito tempo para permanecer com o jogador. O facto de ser possível influenciar a direção do jogo com escolhas nos diálogos também ajuda a isso, e até ficámos surpreendidos com as consequências de algumas das decisões - jogámos a campanha duas vezes, com escolhas diferentes, e vimos muitas diferenças.

A jogabilidade em si é a de um jogo de ação na terceira pessoa, e existe aqui um pouco dos Tomb Raider mais recentes. Existem sequências de exploração e combate, com alguns momentos mais calmos em que estará simplesmente a andar e a conversar com o grupo. Inicialmente o combate pode parecer excessivamente simples, mas melhora consideravelmente com o passar das horas, conforme desbloqueia novas habilidades para Star-Lord (a personagem que controla) e o resto dos Guardiões (pode ativar os seus especiais).

Grande parte do combate envolve disparar, mas com o tempo estará a alternar entre munições elementais e a conjugar as quatro habilidades de cada Guardião, de forma a maximizar o dano causado. Ainda assim, parece-nos que alguns elementos podiam ter maior profundidade, e se procurar algo com um pouco mais de variedade e desafio, ficará algo desapontado com o que Marvel's Guardians of the Galaxy tem para oferecer. Isto também acaba por tornar o combate algo repetitivo, e até algo fácil, mesmo nas dificuldades mais avançadas. Em certos aspetos lembra-nos de Devil May Cry, no sentido em que por vezes o verdadeiro desafio vem de tentar obter as melhores classificações nas batalhas, e não tanto da dificuldade dos inimigos em si.

Marvel's Guardians of the Galaxy

Parte do encanto de Marvel's Guardians of the Galaxy vem das interações e conversas entre o grupo, que são perfeitas para intervalar o combate. O jogo consegue expandir a história e o passado das suas personagens, quase sempre de forma divertida e envolvente. Quanto à exploração, existem vários extra para desbloquear, como fatos, e isso inclui os fatos dos filmes, o que será certamente um tremendo ponto positivo para muitos fãs. Aliás, o jogo tem imenso 'fan-service' para quem adora os Guardiões, tanto em relação aos filmes, como à banda desenhada onde tudo começou. Mas mais interessante que isso, existem momentos genuinamente dramáticos e emocionais na história, que sinceramente não esperávamos encontrar em Marvel's Guardians of the Galaxy.

É uma pena que a equipa não tenha tido mais tempo para trabalhar o jogo, porque com maior variedade de inimigos e um design mais interessante dos níveis, teria elevado Marvel's Guardians of the Galaxy a um patamar ainda mais elevado. Muitos dos extras e dos locais para o jogador explorar carecem de subtileza, mostrando o caminho ao jogador de forma muito direta. Gostávamos que a equipa tivesse tido tempo para criar situações, inimigos, e níveis mais dinâmicos e envolventes.

Outro exemplo de que a equipa precisava de mais tempo são os vários problemas técnicos que encontrámos. Existe sempre a possibilidade de encontrar uma versão mais polida do que aquela que jogámos, já reforçada com novas atualizações, mas o código que jogámos - enviado pela própria Eidos-Montreal - estava recheado de bugs. Elementos de áudio que não tocaram, personagens que apareceram e desapareceram durante sequências de vídeo, objetos que permaneceram presos no ar, e até erros que dificultaram o nosso progresso no jogo, obrigando a recarregar o save anterior. Nada de muito grave, mas certamente incómodo.

Apesar das nossas queixas em termos de falta de profundidade e de variedade, e dos problemas técnicos que encontrámos, gostámos do tempo que passámos com Marvel's Guardians of the Galaxy, mais até do que esperávamos. Não está ao nível de Marvel's Spider-Man, claramente o melhor jogo da Marvel, mas é melhor que Marvel's Avengers. Gostámos da história, desta versão das personagens, e da jogabilidade em geral. Se é fã dos Guardiões ou da Marvel em geral, é uma recomendação fácil.

HQ
Marvel's Guardians of the GalaxyMarvel's Guardians of the Galaxy
Marvel's Guardians of the GalaxyMarvel's Guardians of the GalaxyMarvel's Guardians of the Galaxy
Marvel's Guardians of the GalaxyMarvel's Guardians of the Galaxy
08 Gamereactor Portugal
8 / 10
+
História é excelente - fantástica para quem é fã dos Guardiões. Combate e exploração são divertidos.
-
É algo repetitivo, e por vezes demasiado simplista. Alguns problemas técnicos.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte