Português
análises
Journey to the Savage Planet

Journey to the Savage Planet

Um jogo de aventura com grande espírito de exploração e personalidade.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Enquanto alguns jogos de exploração espacial procuram fazer algo de grandioso e épico, Journey to the Savage Planet apresenta algo diferente. Aqui não vai explorar a galáxia numa missão para salvar o universo, mas antes participar numa experiência que, embora compacta e reduzida, é mais refinada e recheada - além de ser muito divertida.

A solo ou com um amigo em modo cooperativo, irá assumir um contrato com a empresa Kindred Aerospace, uma agência que pede que explorar e investigue um novo mundo. O seu objetivo passa por descobrir se esse planeta é habitável, uma tarefa que pode ser um pouco mais complexa do que inicialmente pensava. Além de ser preciso considerar vários fatores, como combustível, vai bem cedo descobrir uma enorme torre no planeta, o que indica que afinal existe vida inteligente nas redondezas.

O jogo arranca com o seu protagonista silencioso a bordo da sua nave, comandada por uma inteligência artificial engraçada chamada Eko. Este companheiro irá ajudá-lo durante a sua aventura, servindo de instrutor para a jogabilidade e para as mecânicas de jogo. Sem grandes introduções e sequências de vídeo, será libertado no mundo pouco depois de 10 ou 15 minutos, e aqui pode explorar o planeta ao seu próprio ritmo.

O mapa divide-se em várias aéreas abertas, mas segue um processo linear, no sentido em que normalmente precisa de encontrar algo numa área para aceder à seguinte, seja um gancho ou um melhoramento para o jetpack. Faz lembrar um pouco a estrutura metroidvania, com muitos segredos, melhoramentos, e recursos para encontrar. É um jogo que recompensa o explorador, sem nunca abdicar do fio narrativo.

Journey to the Savage Planet é um jogo acessível, apesar dos vários sistemas em funcionamento, e isso deve-se a Eko e a um marcador de missões que indica o caminho a seguir para continuar a história ou para o objetivo da missão selecionada. Ou seja, mesmo que acabe por explorar para bem longe, terá sempre uma forma de encontrar o caminho de volta, e uma ideia dos objetivos que deve cumprir e em que ordem.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

O jogo inclui também uma série de puzzles para o jogador resolver, normalmente associados a uma das ferramentas que irá encontrar. Como usar os explosivos para rebentar certas paredes, por exemplo. Gostámos dos puzzles, que não são muito complicados, mas mais que isso, das formas criativas com que é possível utilizar essas ferramentas. O jogo é claramente o resultado de mentes inspiradas e imaginativas, e em cima disso, engraçadas.

Isso nota-se também na grande personalidade que exuma do jogo, e que acaba por o distinguir de outros jogos. É tudo muito descontraído, divertido, e agradável, com vários momentos de humor, mas apesar de tudo isso, também existe uma arma para usar. Não espere, como deve calcular, grandes momentos de ação, porque é um sistema de combate ligeiro. É essencialmente uma forma de defesa contra algumas criaturas que tentam atacar o jogador, mas também a pode usar de outras formas, como para fazer cair itens.

A experiência de jogo divide-se sobretudo entre exploração, puzzles, e plataformas, com alguns momentos de combate pelo meio, e isso foi suficiente para nos entreter até ao fim. Aliás, pareceu-nos que o fim chegou rápido demais, essa é a nossa principal queixa em relação ao jogo. Com este tipo de estrutura e premissa, esperámos algo que passasse as dez horas de jogo, mas a aventura acaba por durar menos que isso.

Pelo menos correu sempre tudo sem sem problemas técnicos ou quebras de fluidez notórias. É um jogo polido com uma jogabilidade suave, e isso foi crucial para termos desfrutado do jogo como desfrutámos. Parece-nos que a Typhoon Studios conhece as suas limitações em termos de orçamento e pessoal, e soube desenhar um jogo perfeitamente à medida dessas limitações. O resultado é uma aventura bastante agradável com um preço em conta, nos € 39,99, e que é uma recomendação fácil para quem gosta de exploração, ficção científica, e experiências de jogo refinadas.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Journey to the Savage PlanetJourney to the Savage PlanetJourney to the Savage Planet
Journey to the Savage PlanetJourney to the Savage Planet
08 Gamereactor Portugal
8 / 10
+
É criativo e imaginativo. Exploração divertida. Muito para ver e fazer. Excelentes ferramentas e itens. Muitos melhoramentos e segredos.
-
É mais curto do que gostaríamos.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.