Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
análises
Devil May Cry 5

Devil May Cry 5

Devil May Cry regressa cheio de estilo, espetáculo, e algumas surpresas.

  • Connor MakarConnor Makar

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Quando o diretor Hideaki Itsuno afirmou que Devil May Cry 5 iria ultrapassar as expetativas dos jogadores, acabou por colocar a fasquia bem alta. Com exceção de Devil May Cry 2, que é melhor esquecer, Devil May Cry entregou três jogos de ação de grande qualidade na série principal, e um jogo alternativo, produzido pela Ninja Theory (DmC: Devil May Cry), também ele bastante bom.

Então, a questão que se coloca é: DMC5 realmente ultrapassou as nossas expetativas pessoais? Sim, ultrapassou, e na nossa opinião é o melhor jogo da série até hoje.

Ao contrário de outras sagas, que se reinventaram ou passaram a mundo aberto, Devil May Cry V mantém-se muito fiel às bases da série. É um jogo de ação na terceira pessoa, com foco em combate cheio de estilo, e alguma exploração ligeira. Desta vez vão controlar três personagens - Nero, o protagonista de Devil May Cry 4; Dante, o herói da série; e V, uma nova personagem.

Nada faria sentido num jogo como Devil May Cry se a jogabilidade não estivesse à altura, mas felizmente, está, e é excelente. A profundidade do sistema de combate, com liberdade para o jogador se exprimir através de combinações e movimentos, torna a experiência divertida de princípio ao fim. Essa jogabilidade é depois intensificada por um grafismo impressionante e uma banda sonora 'a rasgar', que acompanha a ação com perfeição.

Cada uma das três personagens jogáveis tem um estilo de combate distinto. Dante é o guerreiro arrogante que conhecemos do passado, e a personagem mais tradicional das três. Vem equipado com armas que vão reconhecer, e também algumas novidades excelentes, e ainda tem os seus quatro estilos clássicos - Trickster, Swordmaster, Gunslinger, e Royalguard.. Nero é uma variante de Dante, equipado com uma espada e uma arma, mas distingue-se por uma mecânica baseada nos seus braços mecânicos. Nero pode substituir o seu braço, e cada um tem capacidades diferentes, permitindo ao jogador adaptar-se a várias situações.

Por último temos V, a maior novidade de Devil May Cry 5. Este 'cavalheiro' vem equipado com uma bengala, e não está nas melhores condições físicas, o que o coloca numa posição mais frágil que os outros dois protagonistas. Isto significa que terão de evitar os inimigos, e só se devem aproximar para acabar com eles. Então como vão lutar? Com acesso a criaturas poderosas, que executam os ataques conforme pressionam nos botões do comando. É um estilo muito diferente, que pode obrigar a alguma habituação, mas funciona bastante bem e acrescenta variedade à jogabilidade.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Devil May Cry 5 não vive apenas de jogabilidade, também tem uma história para justificar toda a ação explosiva. Não vai ganhar prémios, mas considerando o tipo de jogo e a série em questão, ficámos surpreendidos com a narrativa de DMC5. Todas as personagens são desenvolvidas e têm os seus arcos concluídos, e até existem referências a outras jogos da série. Mesmo que nunca tenham jogado um DMC, ou não se lembrem, podem ver um resumo em vídeo dos eventos dos jogos anteriores. Existe espaço para uma sequela, claro, mas o que vão encontrar aqui é um episódio narrativo que satisfaz.

Ao todo existem 20 missões de história, e demorámos cerca de 13 horas para terminar a aventura na dificuldade normal, o que é bastante bom para um jogo do género. Ao todo, existem seis dificuldades, e também algumas surpresas que só ficam disponíveis depois de terminarem o jogo. Tudo isto acrescenta valor de repetição ao jogo, além de existirem vários segredos para descobrirem em cada nível.

O que Devil May Cry 5 também tem são micro-transações, embora nos pareçam algo inúteis, felizmente. Durante a aventura vão desbloquear esferas vermelhas que permite evoluir as personagens e comprar itens, mas também as podem comprar com dinheiro real. A questão é que, mesmo comparando com os outros jogos da série, não é difícil encontrar esferas, e se jogarem normalmente, não terão qualquer necessidade de recorrer às micro-transações.

Também existem pacotes de conteúdo extra, como os Devil Breakers de Nero que podem obter com a edição Deluxe, e as músicas dos jogos anteriores, além de sequências de vídeo que podem ver numa segunda passagem pelo jogo. É tudo conteúdo interessante, e por isso mesmo é lamentável que esteja bloqueado por micro-transações.

Não gostámos desse elemento, tal como nós gostámos de ver a banda sonora original de Resident Evil 2 transformada em DLC, mas existem outros defeitos a apontar, sobretudo técnicos. Mesmo a jogar num PC relativamente artilhado, experienciámos quebras de fluidez, e alguns colegas que jogaram na Xbox One S, referiram que o jogo também não está perfeitamente optimizado para a One regular. A PS4 Pro e a Xbox One X talvez não sofram destes problemas, mas fica o aviso de que provavelmente vão ter de lidar com quebras de fluidez, a menos que a Capcom melhore a optimização com um patch.

Também não podemos ignorar a ausência do modo Bloody Palace, um modo que tem sido habitual na série, e que permitia aos jogadores testarem as suas capacidades contra desafios gradualmente mais complicados. Dito isto, a Capcom já afirmou que Bloody Palace será acrescentado ao jogo, gratuitamente, em abril, mas isso não significa que o jogo não pareça algo incompleto até que isso aconteça.

Como repararam, temos algumas queixas a apontar a Devil May Cry 5, mas nada que ofusque o que é um fantástico jogo de ação. Se não estão familiarizados com a série, mas gostam de ação e combate, tentem experimentar DMC5, até porque a história não depende dos jogos anteriores. Contudo, se têm acompanhado as aventuras de Dante e Nero até aqui, devem seriamente considerar a comprar deste novo jogo.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Devil May Cry 5
Devil May Cry 5Devil May Cry 5
Devil May Cry 5Devil May Cry 5Devil May Cry 5Devil May Cry 5
09 Gamereactor Portugal
9 / 10
+
Excelente jogabilidade. Bastante valor de repetição. Três personagens muito distintas, mas igualmente divertidas.
-
Alguns problemas de fluidez. Algum conteúdo interessante está bloqueado por micro-transações.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor