Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
análises
Call of Duty: Mobile

Call of Duty: Mobile

Uma adaptação impressionante de Call of Duty ao formato móvel, que não conseguimos largar.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

No passado tivemos a oportunidade de jogar vários títulos mobile do género, como Fortnite, Modern Combat, Guns of Boom, e PUBG Mobile, tudo jogos de qualidade, mas nenhum deles chega perto de Call of Duty: Mobile.

A Tencent foi responsável pela produção desta adaptação de Call of Duty às plataformas Android e iOS, e é preciso louvar o seu trabalho, porque estamos a falar de um dos melhores jogo do género para mobile, senão o melhor. Isto acontece porque praticamente nada foi cortado ou reduzido para esta versão, e também porque a jogabilidade funciona realmente com o ecrã tátil. O jogo recompensa realmente quem se preocupou em treinar movimento e pontaria, quem tem uma abordagem tática, e quem escolhe a melhor arma para cada situação. Por outras palavras, é uma experiência de Call of Duty sem qualquer compromisso.

O "analógico" esquerdo controla o movimento, e o "analógico" direito controla a cabeça, tal como num jogo de consolas. A grande diferença é que em Call of Duty: Mobile os disparos são feitos de forma automática, depois de colocarem a mira em cima de um oponente. No papel parece uma péssima ideia, mas a verdade é que funciona bem. Muito bem até.

Isto significa que o jogador está livre para se concentrar no movimento e na perícia, e a pontaria é tão importante aqui como em qualquer Call of Duty de consolas. É um processo simples, mas que é perfeito para a experiência móvel, e oferece o melhor tipo de jogabilidade que já vimos de um jogo de ação na primeira pessoa em plataformas mobile.

O jogo tem também mecânicas que já vimos noutros jogos da série, como Killstreaks, a capacidade para apanhar equipamento e armas do inimigo, vários tipos de granadas e acessórios, e até drones explosivos e ataques aéreos. Todas estas ações são feitas com pequenos "botões" que estão no ecrã, e que também incluem ações como agachar e saltar. Tudo combinado proporciona uma experiência altamente recompensadora e satisfatória.

Quando começar a jogar, apenas o modo de 5 contra 5 estará disponível. Irá ganhar experiência com cada partida disputada, e quando chegar a nível 7, será premiado com a opção para jogar o modo Battle Royale. É essencialmente uma versão ligeiramente mais curta do modo de CoD: Black Ops 4, onde 100 jogadores são transportados para o mapa com os objetivos do costume - procurar armas e equipamento, e tentar sobreviver.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Gostámos de jogar Battle Royale, e ainda por lá passámos umas três horas, mas eventualmente voltámos ao modo de 5 contra 5, que nos parece o melhor modo de Call of Duty: Mobile. O jogo é muito intenso, ao qual não é alheio o facto de incluir alguns dos melhores mapas que apareceram noutros jogos da série. Todos foram optimizados para dez jogadores, e promovem jogabilidade de ritmo elevado e grande intensidade.

Call of Duty: Mobile tem um modelo free-to-play, o que significa que inclui micro-transações. A maior parte dos itens que o jogador pode comprar são cosméticos, mas também é possível adquirir miras, silenciadores, e outros acessórios práticos com dinheiro real. Claro que tem mais incentivos para que o jogador gaste dinheiro que um CoD de 70 euros, mas não nos parece excessivamente ganancioso. Sentimos que é perfeitamente possível desfrutar do jogo sem gastar dinheiro, e as micro-transações nunca nos pareceram intrusivas. Se preferíamos que não existissem? Sim, mas já vimos casos bem piores.

CoD: Mobile impressiona também a nível gráfico, e até inclui algumas opções para o jogador personalizar a sua experiência, incluindo a qualidade de sombras, iluminação, partículas, fumo, e outros pormenores semelhantes. A jogar num iPhone 11, não tivemos qualquer problema a correr o jogo com a capacidade gráfica no máximo, e sem quebras de fluidez. O som tem também grande qualidade, ao nível do que Call of Duty sempre nos habituou.

Call of Duty: Mobile é soberbo, e não existe um jogo do género no mercado que chegue sequer perto deste nível de qualidade, contando claro que tenham um dispositivo capaz de suportar os seus requisitos. É um verdadeiro Call of Duty, corretamente adaptado às particularidades dos sistemas móveis, mas sem fazer compromissos a nível de conteúdo e jogabilidade. Se são fãs de CoD, têm de experimentar esta versão Mobile.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Call of Duty: Mobile
Call of Duty: MobileCall of Duty: Mobile
09 Gamereactor Portugal
9 / 10
+
Tem muito conteúdo. É uma experiência Call of Duty sem compromissos. Excelente som e grafismo. Boas mecânicas e jogabilidade.
-
É free-to-play, mas tem várias micro-transações.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados

A carregar o conteúdo seguinte