Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
análises
Age of Empires II: Definitive Edition

Age of Empires II: Definitive Edition

Esqueça a edição de 2013, esta sim é a versão definitiva deste clássico de estratégia.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Nostalgia é algo muito poderoso, e também nós gostamos de recordar os nossos jogos favoritos de outrora, embora isso nem sempre seja uma boa ideia. Os jogos antigos nem sempre envelhecem bem, e recordá-los pode estragar um pouco da impressão que tínhamos deles. Não foi isso que aconteceu quando experimentámos a edição 2013 de Age of Empires II, que era uma adaptação razoável, mas esta versão definitiva é muito superior a essa.

É que a versão de 2013 foi essencialmente uma remasterização em alta definição, com resoluções superiores, enquanto que esta versão apresenta melhoramentos gráficos que vão muito além da resolução. O que essa versão de 2013 tinha, e esta não tem, é uma enorme seleção de conteúdo criado pela comunidade, mas o estúdio procurou compensar esse facto com a injeção de muito conteúdo seu. Além disso inclui novas ferramentas de edição, para que a comunidade crie modificações para a nova versão.

Para começar, Age of Empires II: Definitive Edition inclui um modo aberto onde pode desafiar a inteligência artificial, ou partir para combates online. Cada civilização começa com um número limitado de unidades e recursos, e a partir daí tem de expandir e evoluir, tentando criar nova tecnologia enquanto atravessa as várias eras. Tudo isto acompanhado de inúmeras opções, que permitem escolher vários mapas - incluindo localizações reais - e até definir uma série de parâmetros para criar o tipo de desafio que procura.

Age of Empires II foi bem suportado ao longo dos anos, e a Forgotten Empires juntou todo esse conteúdo oficial neste pacote, criando uma verdadeira edição "definitiva" do jogo. Existem as campanhas originais, as subsequentes expansões, e até missões novas criadas pelo estúdio. Possibilidades não faltam, e irá certamente encontrar algo do seu agrado entre as muitas situações que o esperam.

Estas missões fogem um pouco da fórmula base do modo aberto, que envolve expansão e economia. Em vez disso, as missões propõem objetivos mais subtis, como recrutar seguidores para o império enquanto mantém determinadas personagens vivas. O próprio tutorial foi desenhado em torno de eventos históricos, e funciona bastante bem.

Cada missão é precedida de uma introdução narrada, que define bem o contexto da situação e os objetivos a cumprir. Não são missões particularmente subtis, mas oferecem boas mudanças de ritmo e colocam situações imprevisíveis ao jogador. Estas missões impõe também vários tipos de limitações, que obrigam o jogador a sair da sua zona de conforto, o que pode ser bastante útil para explorar outro tipo de táticas e oportunidades.

Age of Empires II: Definitive Edition

Também pode participar em algumas batalhas Históricas, com eventos condensados em missões específicas. Não são batalhas grandiosas como pode encontrar em Total War, mas antes versões mais livres que vão buscar inspiração à História. São, ainda assim, distrações de boa qualidade.

Um dos principais atrativos desta edição é, como referimos em cima, o melhoramento gráfico. Tudo foi refeito de raiz, mas sem perder um certo encanto retro. Ainda é claramente Age of Empires II, mas com modelos mais detalhados, texturas melhores, um sistema de iluminação atualizado, e cenários de boa qualidade. Até as unidades apresentam um bom nível de detalhe, ainda que nas batalhas sejam algo indistinguíveis.

O combate é uma área que parece um pouco datada, ainda que não de forma necessariamente negativa. Alguns elementos foram melhorados, como a capacidade das unidades para encontrarem percursos melhores para o local indicado, mas durante as batalhas ainda se torna um pouco confuso. A inteligência artificial que governa as unidades não é particularmente brilhante, e já vimos esses elementos funcionarem de forma bem mais eficaz noutros jogos de estratégia mais modernos. Está aqui uma área em que Age of Empires IV tem claramente de apresentar melhorias e inovações.

Existem, contudo, muitos outros melhoramentos, desde a forma como os trabalhadores recolhem recursos, à facilidade de navegação dos menus. Encontrámos alguns problemas técnicos menores, mas no geral, esta Definitive Edition apresenta uma experiência superior à do jogo original e ao da versão 2013, mas ainda é Age of Empires II.

Isso é o mais importante a reter, o facto de na base ainda estar um jogo de 1999, e isso tem de estar sempre presente quando estiver a considerar a sua compra. Disto isto, trata-se de uma verdadeira versão definitiva do jogo, que está a rebentar de conteúdo, que apresenta melhoramentos na jogabilidade, e que atualiza o grafismo para a era atual. Não só gostámos de matar saudades de Age of Empires II com esta versão, como estamos com mais expetativa que nunca para Age of Empires IV.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Age of Empires II: Definitive EditionAge of Empires II: Definitive Edition
Age of Empires II: Definitive EditionAge of Empires II: Definitive EditionAge of Empires II: Definitive Edition
08 Gamereactor Portugal
8 / 10
+
Modernização fantástica do grafismo. Está cheio de conteúdo e opções que aumentam a longevidade. Melhoramentos tornam o jogo mais suave e acessível.
-
Alguns problemas técnicos. Para a próxima dêem-nos batedores automáticos!
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte