Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
antevisões
Star Wars Jedi: Fallen Order

Star Wars Jedi: Fallen Order - Impressões da E3

Passámos algum tempo a dominar a Força e o Sabre de Luz na primeira demo jogável de Fallen Order.

  • Ben LyonsBen Lyons

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Antes da E3 ficámos a saber qual era o conceito por trás de Star Wars Jedi: Fallen Order. É um jogo single-player com uma campanha de história, criado pela Respawn Entertainment, que se concentra na personagem original Cal Kestis, um jovem Padawan (aprendiz de Jedi) que sobreviveu à Ordem 66, a ordem que levou ao extermínio da maioria dos Jedi no fim de Star Wars: A Vingança dos Sith. Esta foi a base narrativa que a Respawn partilhou com o público aquando da revelação do jogo, mas ficaram de mostrar jogabilidade.

Isso aconteceu finalmente na EA Play do passado dia 8 de junho, através de um vídeo de quase 14 minutos, mas mais importante que isso, na E3 tivemos a chance de o experimentarmos. Podem não ter ficado com essa ideia a ver o vídeo de jogabilidade, mas Fallen Order é um jogo que exige cuidado e concentração para cada batalha. Se correrem para o perigo a metralhar ataques vão morrer facilmente, já que a ideia é transmitir a sensação de jogar com um Jedi, e isso implica saber ler o oponente, manter a calma, e tomar decisões calculadas.

A nível de controlos, Fallen Order não foge muito do género de ação na terceira pessoa. Podem saltar, desviar de ataques, bloquear a mira num inimigo, e executar uma série de golpes, mas também existe a particularidade do sabre. Com o sabre podem bloquear alguns disparos e ataques físicos, mas existe um limite antes da guarda quebrar, o que significa que é uma capacidade que não podem usar em demasia. Eventualmente terão de começar a desviar ataques, defendendo no momento certo. Isto permite ganhar um ataque contra um oponente próximo, ou enviar de volta um disparo. Convém ainda mencionar que Cal está acompanhado por um pequeno andróide, que o pode curar a mando do jogador - a sua utlização, contudo, é limitada, e pode ser interrompida pelo inimigo, o que obriga a esperar ou a encontrar o momento e o sítio certo.

No lado mais ofensivo vão encontrar os típicos ataques leve e forte, sendo que o segundo tem a capacidade de usar a Força para realmente causar dano. Isto significa que o ataque forte gasta barra de Força, uma barra que regenera quando estão fora de combate, ou quando atingem o inimigo. Outro problema do ataque forte é que deixa Cal exposto, o que significa que é outra capacidade pela qual terão de saber esperar pelos melhores momentos para o usarem.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

O combate de Fallen Order é sobretudo no solo, mas até certo ponto também permite executar ataques pelo ar. Não é nenhum Devil May Cry ou algo do género, mas Cal consegue manter-se a ele - e aos inimigos - no ar durante alguns segundos. Este protagonista inédito é até bastante ágil, conseguindo executar saltos duplos e correr lateralmente pelas paredes, utilizando a Força (uma mecânica que é já habitual nos jogos da Respawn).

A Força é usada para melhorar ou reforçar uma série de habilidades, mas também tem as suas próprias capacidades. Force Pull permite puxar inimigos e objetos, enquanto que Force Push os atira para longe, ficando ao critério do jogador qual será a técnica mais útil para a situação em questão. Uma habilidade menos habitual é Force Stasis, que permite a Cal abrandar objetos e até máquinas, incluindo armas e disparos. Isto tudo consome a tal barra de Força que já referimos, e como tal, a sua gestão tem de ser cuidadosa. Ah, mais um poder que não podemos esquecer - Saber Throw. Sim, é possível arremessar o sabre com a Força.

A Força será um grande aliado para Cal, mas não pode estar sempre dependente dela, já que alguns inimigos são imunes aos seus efeitos. Estes prometem ser adversários complicados de ultrapassar, mas vão encontrar oponentes de vários tipos ao longo do jogo, desde vários tipos de Stormtroopers a andróides. Dito isto, o oponente mais impressionante que vimos foi um AT-ST, que nos obrigou a cortar as suas pernas sem sermos esmagados, antes de eliminarmos o seu piloto.

O vídeo que a Respawn partilhou mostrou potencial, mas foi a demonstração de jogabilidade que realmente nos entusiasmou para Star Wars Jedi: Fallen Order. Parece que finalmente vamos voltar a ter uma aventura single-player de boa qualidade inspirada em Star Wars, resta confirmar se assim será a 15 de novembro, quando o jogo chegar às lojas.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Star Wars Jedi: Fallen OrderStar Wars Jedi: Fallen Order
Star Wars Jedi: Fallen OrderStar Wars Jedi: Fallen Order

Textos relacionados

A carregar o conteúdo seguinte