Português
Gamereactor
notícias
Assassin's Creed Shadows

Jogadores japoneses iniciaram uma petição para que Assassin's Creed Shadows seja cancelado

Eles afirmam que o jogo é um "sério insulto à cultura e à história japonesas".

HQ

Desde que a Ubisoft começou a mostrar cada vez mais Assassin's Creed Shadows, o jogo tem enfrentado uma quantidade cada vez maior de reações dos jogadores japoneses. Muitos mostraram frustração com a representação do país e sua cultura no próximo jogo, e agora isso culminou em uma petição Change.org que quer ver o jogo cancelado pela Ubisoft.

Até agora, a petição já reuniu mais de 25.000 assinaturas, com mais de 13.000 assinaturas nas últimas 24 horas (até o momento). A petição afirma especificamente (seguindo a tradução do Google):

"Recentemente, a falta de precisão histórica e respeito cultural tem sido um problema sério em relação ao próximo jogo "Assassin's Creed Shadows " da desenvolvedora de jogos Ubisoft. O jogo é baseado em samurais japoneses e ignora o fato de que os samurais eram uma classe mais alta de guerreiros e deveriam ter sido "gokenin" ou servos de nobres. Na verdade, o primeiro europeu a receber o título de samurai, William Adams (Miura Anjin), serviu Tokugawa Ieyasu como um 250 koku hatamoto.

"Nesta história, a Ubisoft continua a entender mal a natureza e o papel dos samurais. Isso é um grave insulto à cultura e à história japonesas, e também pode estar ligado ao racismo asiático. Pedimos à Ubisoft que cancele imediatamente o lançamento de "Assassin's Creed Shadows " e mostre pesquisa sincera e respeito pela história e cultura japonesas."

A petição só foi iniciada em 19 de junho e parece estar ganhando cada vez mais força. A Ubisoft ainda não se pronunciou sobre o assunto, mas afirmou anteriormente que o jogo foi desenvolvido enquanto aproveitava a experiência de seus estúdios de Tóquio e Osaka.

Assassin's Creed Shadows

Obrigado, BoundingIntoComics.

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte