Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
análises
Good Job!

Good Job!

Cause caos com um amigo neste jogo divertido à base de física.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade

Durante um largo período a experiência cooperativa local desapareceu, dando lugar ao multiplayer online, mas nos últimos anos essa tendência reapareceu, com mais opções para os jogadores desfrutarem com amigos ou família na mesma sala. O boom de motores de jogo à base de física realista, como o Unity, também levou a um crescimento de mais jogos de puzzles baseados precisamente em física. Este Good Job! é precisamente um misto dessas duas realidades - co-op local e jogabilidade à base de física.

A premissa é bastante simples - o jogador encarna o papel do filho incompetente do patrão, nuns escritórios, mas mesmo sem competências para tal, deve tentar cumprir as ordens. Terá de realizar tarefas como instalar uma impressora, preparar o projetor para a reunião da empresa, ou até transportar os trabalhadores para outro local. A questão é que a personagem do jogador (ou jogadores) é verdadeiramente incompetente, e será inevitável causar caos enquanto tenta cumprir as suas tarefas.

O jogo passa-se em vários andares de um edifício de escritórios, cada um com o seu próprio tema. Nesses andares vai encontrar inúmeros objetos, quase tudo destruíveis e controlados por física. Good Jog! é jogado através de uma perspetiva isométrica, e está muito longe de ser realista, preferido antes uma abordagem divertida. Por exemplo, uma forma de deslocar a impressora passa por usar uma tomada gigante como fisga, atirando-a através do cenário.

Good Job!

Todos estes ingredientes acabam por formar uma experiência bastante divertida, com cada andar a introduzir diferentes mecânicas e sistemas que terá de utilizar para resolver tarefas aparentemente básicas, mas que se tornam bem mais complicadas com a física e o atabalhoamento das personagens. Eventualmente estará a usar gruas, empilhadeiras, e outros acessórios semelhantes.

No fim de cada nível é avaliado pela sua prestação, mas ao contrário do que pode pensar, será recompensado pelo caos causado. O jogo incentiva-o a ser criativo com todas as ferramentas que tem à sua disposição, e isso leva à repetição de níveis para encontrar formas de aumentar a pontuação. Cada nível inclui também tesouros para encontrar e esmagar, que além de contribuírem com pontos, garantem novos itens cosméticos para as personagens. Capacetes vikings, vestidos, asas de anjo, e correntes de ouro, são exemplos de alguns itens que pode encontrar.

Good Job! não pretende ser mais do que é: um jogo caótico, divertido, e simples, que utiliza física e destruição para exercitar o cérebro dos jogadores. É uma experiência sobretudo direcionada para a diversão, que aumenta quando está a ser partilhada com um segundo jogador. Se procura algo para passar um bom bocado com um irmão, filho, ou companheiro nestes tempos de COVID-19, existem formas piores de descontrair do que com Good Job!.

Good Job!Good Job!
Good Job!
08 Gamereactor Portugal
8 / 10
+
Deliciosamente caótico. Visualmente apelativo. Banda sonora encantadora.
-
Eventualmente torna-se repetitivo. Pode ser demasiado fácil para alguns jogadores.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte