Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.

Português
Início
notícias
Final Fantasy VII: Remake

Final Fantasy VII Remake será mais consciente do estado atual do mundo

As ações terroristas da Avalanche não serão vistas de forma tão leve como no original.

Na base da história de Final Fantasy VII está o conflito entre a mega-corporação Shinra e o grupo de resistentes Avalanche, onde pertence o protagonista Cloud e os seus amigos. O jogo até começa com um ataque da Avalanche aos reatores da Shinra, o que pareceu relativamente inocente em 1997... mas já não estamos em 1997.

Considerando que o contexto mundial mudou desde essa altura, e que os jogadores desse clássico estão bem mais velhos, perguntámos ao produtor Yoshinori Kitase se a história seria diferente por causa disso, sobretudo no que respeito ao conflito entre Avalanche e Shinra.

"Sim, existe uma ligeira diferença na forma como as ações da Avalanche são retratados no remake, em comparação com o original. [...] O objetivo de Avalanche é fazer frente à corporação Shinra, e tentam causar algo dano como forma de atrapalharem os seus planos, mas isso acaba por ser algo vantajoso para a Shinra, que agora utiliza a sua poderosa máquina de propaganda para virar a população de Midgar contra a Avalanche."

Foi precisamente essa a ideia com que ficámos quando jogámos três horas de Final Fantasy VII: Remake. Se quiser saber quais foram as nossas outras impressões, clique aqui.

A assistir

Preview 10s
Next 10s
Publicidade
Final Fantasy VII: Remake

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte