Gamereactor Internacional Português / Dansk / Svenska / Norsk / Suomi / English / Deutsch / Italiano / Español / Français / Nederlands
Gamereactor
Iniciar sessão






Esqueceu-se da password?
Não estou registado mas quero registar-me

Prefiro iniciar sessão com a conta de Facebook
Gamereactor Portugal
análises de filmes

Ratchet e Clank

Esperávamos mais da estreia de Ratchet e Clank no grande ecrã.

Ficámos com alguma expetativa para o potencial do filme de Ratchet e Clank, sobretudo depois de jogarmos o novo jogo. A Sony pareceu apostar forte na produção do filme, a criadora Insomniac Games acompanhou de perto o processo, e o universo de Ratchet e Clank parecia perfeito para um filme de animação ao estilo da Pixar. Infelizmente o resultado não foi assim tão positivo.

Ratchet e Clank é uma história de origem, que segue os eventos detalhados no novo jogo. Mostra Ratchet antes de se tornar num herói, o encontro com Clank, e o carisma irresistível do fantástico Capitão Qwark. O trio (juntamente com um grupos de novos heróis) terá de unir forças para impedir os planos do terrível Drek, que envolve a destruição de planetas ao estilo do Império em Star Wars: Episódio IV.

Ratchet e Clank

O enredo é previsível e o argumento está recheado de clichés. Alguns são desculpáveis, mas quando o filme tem necessidade de recorrer se recorrer de tantos e com tanta frequência, quase como se os clichés fossem uma muleta para segurar o filme, algo está mal. O próprio argumento goza com essa situação, o que seria engraçado se não fosse tão verdadeiro.

O que mais nos desiludiu no filme foi o quanto partilhou com o novo jogo. Sempre tivemos a sensação de que o jogo e o filme se complementariam, mas não é isso que acontece. Ambos são a mesma história, e até partilham sequências idênticas, o que torna desnecessário acompanhar os dois. Se só jogarem o jogo (que é muito superior), não perdem nada se não virem o filme.

A nível técnico, Ratchet & Clank é razoável, mas não está bem ao nível da Pixar (nao a esse ou a qualquer outro nível). Esperávamos um pouco mais de qualidade visual e até sonora, dois elementos que sem serem maus, também não são bons. É ainda necessário referir a localização portuguesa, dobragem que conta com a participação de atores como Luciana Abreu, Tiago Peralta, João Araújo, e Tiago Pereira. Não é por aqui que Ratchet & Clank falha, já que a dobragem dos atores pareceu-nos perfeitamente adequada.

A história não é particularmente emocionante, as piadas tornam-se cansativas, o argumento está cheios de clichés, e basicamente recicla o que está no jogo (ou vice-versa). Esperávamos mais de Ratchet e Clank, um filme que tinha potencial para ser bem mais engraçado e memorável. Os fãs podem retirar algo de interessante da experiência, não só pelas personagens, mas sobretudo pelas referências que podem encontrar a armas, personagens e eventos da safa, mas para quem não é particularmente interessado em Ratchet & Clank, não podemos recomendar o filme.

Ratchet e ClankRatchet e Clank
Ratchet e Clank
05 Gamereactor Portugal
5 / 10
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor