Português
Gamereactor
análises
Blizzard Arcade Collection

Blizzard Arcade Collection

Chegou de surpresa, mas soube bem revisitar os clássicos da Blizzard nesta coleção.

HQ

A Blizzard Entertainment celebra 30 anos em 2021, e decidiu marcar a ocasião de forma muito especial, com o lançamento de Blizzard Arcade Collection. Foi algo que poucos esperavam, já que a coleção foi anunciada oficialmente e lançada no mesmo dia, e como tal, a oportunidade de reencontrar estes clássicos acabou por ser uma bela surpresa. Ao olhar para uma coleção da Blizzard, pode estar a pensar em algo que envolva Warcraft, StarCraft, ou Diablo, mas nenhum desses jogos está aqui. São antes três títulos mais antigos, nomeadamente The Lost Vikings, Rock N' Roll Racing, e Blackthorne.

O primeiro jogo que experimentámos foi Rock N' Roll Racing, um jogo de condução com perspetiva isométrica e banda sonora pesada, composta por nomes como Judas Priest, Black Sabbath, e Deep Purple. Originalmente lançado em 1993, Rock N' Roll Racing já incluía elementos como armas e acessórios para atrapalhar os outros pilotos, e um sistema de progressão para o veículo, desbloqueado com o dinheiro que ganhava nas corridas.

Depois da adrenalina de Rock N' Roll Racing virámos atenções para The Lost Vikings, um jogo de puzzles e plataformas em que tem de utilizar as capacidades individuais de cada um dos três Vikings para avançar na aventura. Erik consegue correr e saltar, Olaf usa um escudo para se proteger ou para servir de plataforma para os companheiros, e Baleog pode usar uma espada e um arco. O jogo tem alguns puzzles bastante criativos, sempre pronto a colocar novos obstáculos para o jogador ultrapassar, mas convém deixar claro de que se trata de um sistema à base de tentativa e erro, sobretudo porque não basta chegar à saída com um Viking - tem de o conseguir com os três.

Por fim experimentámos Blackthorne, um jogo de ação e plataformas em 2D a lembrar outros clássicos como Prince of Persia e Flashback. Algo muito curioso em relação a Blackthorne é a inclusão de um sistema de cobertura, onde se pede esconder nas sombras e espere que o inimigo se exponha para o destruir. Dos três jogos, talvez seja o mais difícil de jogar hoje em dia, sobretudo por causa de como as várias ações da personagem abrandam imenso o ritmo da ação. Por exemplo, ou caminha devagar, ou corre demasiado depressa, não existe meio-termo, e para subir escadas e saltar tem sempre de guardar primeiro a arma. Na altura foi fantástico, mas agora é mais difícil entrar no ritmo de Blackthorne e nos seus controlos antiquados.

Blizzard Arcade Collection

A maior parte das coleções incluiria os jogos, algumas novas opções de qualidade de vida, e pouco mais, mas a Blizzard não se ficou por aqui. Cada jogo inclui versões digitais das caixas e dos manuais originais, entrevistas com os produtores, e até um leitor de música para ouvir a banda sonora (só ficam de fora as músicas licenciadas). Mais, existem várias versões para cada jogo, incluindo de Super Nintendo, Mega-Drive, e edições definitivas. Estas edições definitivas incluem versões melhoradas do grafismo e da banda sonora, mas todas as versões permitem gravar a qualquer momento, recuar no tempo alguns segundos, mudar o formato do ecrã, e aplicar filtros de imagem.

A nossa maior crítica está com o preço, ou se preferir, com a ausência de mais jogos que ajudem a justificar os € 19,99. The Lost Vikings 2, por exemplo, é uma grande ausência desta coleção, tal como RPM Racing, ou até The Death and Return of Superman. Estamos a falar de jogos a rondar os 30 anos, e uma coleção de apenas três títulos a 20 euros acaba por saber a pouco, mesmo considerando todos os extras. Mas não há dúvidas de que os jogos incluídos receberam um excelente tratamento, e se é fã de algum deles, existe definitivamente mérito em Blizzard Arcade Collection.

Blizzard Arcade CollectionBlizzard Arcade Collection
Blizzard Arcade Collection
07 Gamereactor Portugal
7 / 10
+
Inclui imensos extras para os fãs. Três jogos de géneros muito diferentes. Inclui várias versões de cada jogo.
-
Gostaríamos de ter visto mais jogos da Blizzard nesta coleção. O ritmo de Blackthorne é algo lento para hoje.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor

Textos relacionados



A carregar o conteúdo seguinte


Cookie

O Gamereactor utiliza cookies para assegurar que lhe proporciona a melhor experiência possível no nosso site. Se continuar, vamos presumir que está satisfeito com a nossa política relativa a cookies.