GR STREAMING
Gamereactor Internacional Português / Dansk / Svenska / Norsk / Suomi / English / Deutsch / Italiano / Español / Français / Nederlands
Gamereactor
Iniciar sessão






Esqueceu-se da password?
Não estou registado mas quero registar-me

Prefiro iniciar sessão com a conta de Facebook
Gamereactor Portugal
análises
WRC 7

WRC 7

Uma prenda de natal antecipada para amantes de rali.


WRC 7 é um jogo que está a dividir a opinião de muitos críticos, inclusive entre o Gamereactor, mas se me perguntarem a opinião - a mim, o jornalista Petter Hegevall do GR Suécia -, estão a ser injustos com o jogo da Kylotonn. Na minha opinião pessoal WRC 7 é um fantástico jogo de ralis, e embora o que vá dizer a seguir possa ser algo polémico, acredito que se o jogo tivesse o logo da Codemasters, teria recebido melhores notas.

Os dois títulos anteriores, WRC 5 e 6, já eram bons na minha opinião. Tinham defeitos, sim, mas eram bons. A ausência de uma sensação de velocidade entusiasmante, o grafismo abaixo da média, e a irregularidade nas curvas, eram fatores que tinham de ser considerandos, e que merecidamente impediram esses jogos de receberem melhores notas. Isso não acontece este ano, porque a Kylotonn resolveu uma grande fatia desses problemas, e o resultado é um jogo que consegue divertir, desafiar, e até impressionar com boa regularidade.

Deixem-me começar por mencionar a física dos carros e a sensação de condução. Já desde WRC 5 que a Kylotonn estava num bom caminho em termos de torque e equilíbrio de poder de aceleração, com uma boa sensação de como o centro de gravidade mudava no carro durante a aceleração. O jogo também tinha um bom sistema de desaceleração, e simulava bem os efeitos de turbulência e fricção. Apesar desses pontos a favor, WRC 5 tinha ainda vários defeitos. Já WRC 7 apresenta um excelente motor de física, onde os carros parecem pesados - mas não em demasia - e conseguem acelerar devidamente. Em WRC 7 temos a sensação de estar ao volante de carros poderosos, e é isso mesmo que se pede de um simulador de ralis. Em termos de simulação pura, WRC 7 faz um trabalho superior ao de Dirt 4, e as opiniões que temos lido de que "os carros flutuam muito", ou "são muito rápidos", só podem vir de quem nunca esteve num carro de rali real.

Jogámos WRC 7 com um misto de volante e pedais, e sempre com a câmara de visão do piloto (melhor que no ano passado). A sensação transmitida foi fantástica, e assumir o controlo de Volkswagen Motorsport Polo R durante as curvas de uma pista na Finlândia, é apenas o exemplo de excelente momentos que tivemos no jogo. Diego Sartori, produtor deste jogo e de GTR 2, fez um excelente trabalho na recriação da sensação de condução de um carro de rali. A largura das pistas, a sensação de velocidade, e as dinâmicas do peso e da físicas dos carros é algo que tem de ser aplaudido. É tudo menos "sorte", e não é por acaso que WRC é o jogo de eleição de vários condutores reais de rali.

Existe aqui um certo atrevimento, semelhante ao que também sentimos em Dirt Rally. As florestas no País de Gales são densas, as raízes das árvores junto à estrada são complicados, e quando falhamos a curva de Myherin a bordo de um Citroen DS3 WRC apercebemos-nos de que não devemos piscar os olhos há mais de três minutos. WRC 7 é um jogo emocionante, um excelente simulador, mas ganha imenso se jogado com volante e pedais. É jogável com comando, mas tal como os melhores simuladores, existe uma grande diferença entre a experiência com volante e a experiência com comando.

Outro aspeto que ajuda à sensação de simulação é o departamento sonoro. O som dos motores está no ponto, mas mais impressionante é o efeito do cascalho a bater no carro, e o som das mudanças. É um trabalho sonoro sensacional, acompanhado por uma das bandas sonoras mais vívidas dos jogos de condução atuais. Graficamente existem melhorias evidentes em relação aos jogos anteriores, embora aqui exista uma clara diferença de qualidade em comparação com Dirt 4. Como acontece com outros simuladores de condução, o foco de WRC 7 está em oferecer um aspeto limpo e sólido para que a experiência de condução brilhe, e não tanto em apresentar efeitos de luz topo de gama ou montanhas de efeitos de partículas. Podia estar melhor? Sem dúvida, mas é bonito que chegue para quem procura uma simulação.

E WRC 7 é precisamente para esse público, para os jogadores que querem uma experiência realista, para os que fazem o investimento em pedais e volante, e para os que querem um verdadeiro simulador de rali. O grafismo é bom, os loadings são rápidos, o som é fantástico, e o conteúdo - com um modo carreira completo -, é suficiente para vos entreter bastante tempo. Não está bem ao nível de um Dirt Rally, mas é o melhor jogo oficial de ralis já criado.

WRC 7WRC 7WRC 7
WRC 7WRC 7WRC 7
09 Gamereactor Portugal
9 / 10
+
Excelente design de som. Modo carreira motivante. Várias opções para multijogador, incluindo modo em ecrã dividido.
-
Pode ser algo inacessível para novatos ou jogadores inexperientes.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor