Gamereactor Internacional Português / Dansk / Svenska / Norsk / Suomi / English / Deutsch / Italiano / Español / Français / Nederlands
Iniciar sessão






Esqueceu-se da password?
Não estou registado mas quero registar-me

Prefiro iniciar sessão com a conta de Facebook
Gamereactor Portugal
análises
Flatout 4: Total Insanity

Flatout 4: Total Insanity

Flatout foi ressuscitado, com todo o caos e destruição a que nos habitou.

  • Texto: Kim Orremark

Flatout é uma série de condução que sempre privilegiou caos e destruição, preferencialmente dentro de carros antigos e robustos. Nunca houve um jogo fantástico da série, mas a maioria eram bons e divertidos, normalmente com boa condução, velocidade, e momentos cómicos. Quando soubemos que a Kylotonn, de WRC 5, estava a produzir um novo capítulo da série, esperávamos que fosse algo ao nível dos anteriores. Infelizmente, Flatout 4: Total Insanity revelou ser um título completamente medíocre.

O jogo segue uma estrutura semelhante à dos seus antecessores, com diferentes tipos de competições onde o objetivo é normalmente acabar em primeiro; executar acrobacias que acabam com o piloto projetado pelo ar, e uma arena onde o vencedor é o carro que permanecer a funcionar. O principal atrativo, sobretudo para o jogador solitário, será o modo carreira. Mal começam terão a hipótese de escolher entre dois veículos, e a nossa escolha recaiu entre um carro enferrujado que parecia um Volkswagen clássico.

Como o nome indica, Flatout 4 é um jogo onde a insanidade é total. Suspeitamos que não passaram mais de quatro segundos na primeira corrida para começarmos a ver faíscas a sair do nosso carro enquanto a concorrência tentava destruir-nos aos encontrões. Flatout 4 não é um jogo que tente usar uma física realista para os carros, e é até algo inconsistente. Se ao virar as curvas parece que estamos a controlar o Titanic, quando somos albardados por outro carro, o novo veículo parece feito de cartão. Os antecessores tinham um equilíbrio muito eficaz entre condução e choque, com uma física consistentes, algo que não está presente neste jogo. Tudo parece aleatório em termos de resultado dos choques, como se dependêssemos de fatores que não estão no nosso controlo.

Publicidade:

Quanto às mecânicas de jogo, são fáceis de perceber e dominar. Podem acelerar, travar, e derrapar com o travão de mão, mas também podem usar um turbo que ganha energia conforme executam algumas ações durante as corridas (como abalroar adversários). Saber utilizar o turbo nos momentos certos, em conjunto com uma jogabilidade de risco e recompensa que envolve os atalhos das pitas, são o segredo para se manterem no topo. Em alguns modos também têm acesso a armas, desde mísseis a minas que ficam na pista.

Graficamente funciona, com um estilo divertido e descontraído, mas Flatout 4: Total Insanity não é um jogo bonito. Pelo menos cumpre onde se exigia mais, em termos de fluidez de controlos, mas graficamente acaba por estar abaixo do que temos visto outros jogos de condução fazer nesta geração. Mais grave é o facto de termos encontrado vários problema técnicos (bugs) durante a nossa experiência, desde efeitos da água a desaparecer e a aparecer, plantas enfiadas dentro de carros, e objetos posicionados em posições impossíveis. As texturas também demoram algum tempo a carregar, o que é mais um indicador de que o jogo está longe de estar tão polido quanto seria desejável. Quanto ao som, é competente que chegue ao nível dos efeito sonoros e da banda sonora, mas não vai ficar na memória de ninguém.

As fundações de Flatout estão presentes em Total Insanity, mas falta profundidade, equilíbrio, e maior cuidado no jogo. Tem os seus momentos divertidos, sobretudo se o intercalarem com outros jogos, ou com alguns amigos, mas não serve para mais que isso. O espírito está lá, mas falta o resto, e como tal só o podemos recomendar quando o acharem a um preço bem mais convidativo do que os atuais € 59.99.

Flatout 4: Total InsanityFlatout 4: Total Insanity
Flatout 4: Total InsanityFlatout 4: Total Insanity
05 Gamereactor Portugal
5 / 10
+
Inclui várias pistas. Boa sensação de velocidade. Modo de acrobacias é divertido com amigos.
-
Sensação dos carros não é a melhor. Visualmente abaixo da média. Está coberto com problemas técnicos.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor
Publicidade: