Gamereactor Internacional Português / Dansk / Svenska / Norsk / Suomi / English / Deutsch / Italiano / Español / Français / Nederlands
Iniciar sessão






Esqueceu-se da password?
Não estou registado mas quero registar-me

Prefiro iniciar sessão com a conta de Facebook
Gamereactor Portugal
análises
Pro Evolution Soccer 2017

Pro Evolution Soccer 2017

PES volta a mostrar a forma vencedora do ano passado, com um excelente jogo de futebol.

  • Texto: Sam Bishop & Mike Holmes

Quando Pro Evolution Soccer 2016 foi lançado, há um ano, rapidamente começou a conquistar os fãs de jogos de futebol. Depois de um bom indício em 2014, a versão do ano passado voltou a mostrar uma evolução importante, e foi exatamente isso que voltou a acontecer desta vez. PES 2017 pegou no que PES 2016 fez de bom bom e poliu essa experiência em vários campos. São mudanças menores, sem grandes revoluções, mas todas juntas formam uma experiência de jogo superior.

Um desses melhoramentos reside na interface do jogo, sobretudo no menu inicial. O design mantém o conceito do passado, mas está muito mais fácil de navegar e de identificar o conteúdo. Além disso é bem mais apelativo à vista, com uma elegância que honestamente é raro ver em PES. Embora sem alterações tão evidentes, a interface e os menus entre os jogos também foi melhorada, e é mais fácil aceder e modificar táticas rapidamente. Ainda não está perfeito, mas a Konami deu finalmente uma muito necessitada mexida nos menus de PES.

Quando a ação passar para dentro de campo, vão reparar rapidamente na qualidade visual de PES 2017. Não que o jogo seja ultra-realista ou super-detalhado, mas tem uma fluidez visual deliciosa. O jogo utiliza o Fox Engine, de Metal Gear Solid V: The Phantom Pain, e é fácil identificar as semelhanças. Isto já era verdade na edição do ano passado, mas a Konami poliu claramente este elemento do jogo. As entradas em campo, as sequências de vídeo para falta, e até as repetições das jogadas, mostram grande fidelidade visual. PES 2017 é um jogo visualmente impressionante, sobretudo em movimento. As animações são suaves como seda, e PES 2017 está definitivamente melhor graficamente. Pena apenas que as celebrações continuem a aparecer sem qualquer tipo de contexto, substituindo as ações do jogador em campo por sequências pré-determinadas.

PES 2016 era um jogo divertido de futebol, e continua a sê-lo na nova edição. A jogabilidade não sofreu muitas mexidas, e não precisava tendo em conta a qualidade do foi mostrado há um ano, mas é fácil reparar que alguns fatores foram melhorados. As animações estão mais realistas, e embora tivesse sido agradável ver maior variedade, a fluidez de movimento é soberba. Os remates à baliza parecem ter recebido particular atenção, com mais situações de remate e de golo. Os remates parecem únicos, e os golos especiais, já que o jogo vos obriga a pensar em formas de criarem oportunidades de chutar à baliza. Dito isto, PES 2017 nunca parece demasiado fácil ou demasiado difícil. Independentemente do vosso grau de capacidade com o jogo, vão encontrar um nível de dificuldade justo e equilibrado que se encaixa na vossa qualidade.

O ritmo de jogo também parece ter sofrido um ligeiro ajustamento, que torna a experiência um pouco mais realista e menos arcade. Talvez fosse este o toque que a jogabilidade de PES precisava para evoluir novamente de arcade para simulação total, e a verdade é que cada partida parece agora mais realista no momento-a-momento. É também mais evidente as características particulares de cada equipa, desde avançados grandes que seguram melhor a bola à procura de desmarcações, ao rodopio de passes do Barcelona e o seu famoso Tiki-Taka. A jogabilidade de PES oferece mais possibilidades que nunca.

Publicidade:

À semelhança dos últimos anos, existe um modo de treinos onde podem aperfeiçoar a vossa técnica em várias fases do jogo, e aprender algumas das ações mais avançadas, como cruzamentos rasteiros. Indispensáveis são os treinos que envolvem a defesa, onde podem aperfeiçoar o tempo de entrada à bola - sobretudo em carrinho. Um elemento que não nos agrada muito na defesa, é a forma como por vezes o jogador parece ficar preso no caminho da bola, quando talvez a melhor opção fosse correr paralelamente para cobrir o ângulo. Ainda assim, é uma queixa menor e pontual.

A verdade é que as queixas que temos a apontar à jogabilidade são escassas e de pouca importância. Os passes funcionam bem e é possível criar boa circulação de bola, enquanto que os remates podem ser explosivos ou subtis. Até a arbitragem parece ter sido melhorada desde o ano passado, com mais decisões acertada.

Quanto a modos de jogos, existe claro a Master League, que foi alvo de vários melhoramentos. Também aqui a interface e os menus foram retocados, e são agora mais fáceis de navegar. O mais impressionante, contudo, é o nível de detalhe. Existem vários momentos ao longo da época que são retratados com imagens, e que acrescentam a uma experiência mais satisfatória.

Ter as licenças da Liga dos Campeões, da Liga Europa, e da AFC, significa que estas competições estão também disponíveis enquanto modos de jogo. Outra alternativa é Become A Legend, onde devem tentar criar carreira com um jogador. Quanto aos modos online, o destaque é naturalmente MyClub, que infelizmente não conseguimos experimentar. Não acreditamos que existam problemas, mas caso se registem, cá estaremos para os reportar. Claro que uma das maiores falhas, sobretudo na edição do ano passado, é a atualização dos plantéis. A versão que jogámos estava ainda bastante desatualizada, mas isso pode ser facilmente resolvido com um patch. Agora resta saber se a Konami vai cumprir a promessa de ser muito mais célere a resolver esta questão.

Quando consideramos Pro Evolution Soccer 2017 como um todo, as pequenas críticas que apontámos ao jogo dissipam-se rapidamente. Os comentários são repetitivos, faltam muitas licenças na Europa, e as celebrações continuam aquém do esperado, mas pouco mais há a apontar a PES. É possível jogar grandes partidas de futebol, de forma natural e competitiva, mas sempre divertido. É PES 2016, mas com uma camada de refinamento mais apurada, e isso chega-nos.

Pro Evolution Soccer 2017Pro Evolution Soccer 2017Pro Evolution Soccer 2017
Pro Evolution Soccer 2017Pro Evolution Soccer 2017Pro Evolution Soccer 2017
09 Gamereactor Portugal
9 / 10
+
Jogo muito fluído. Mecânicas defensivas são desafiantes, mas justas. Atacar é uma delícia. Interface melhorada.
-
Podia haver maior variedade de animações. Comentários fracos. Celebrações deixam a desejar. Ausência de muitas licenças de equipas da Europa.
overall score
Esta é a média do GR para este jogo. Qual é a tua nota? A média é obtida através de todas as pontuações diferentes (repetidas não contam) da rede Gamereactor
Publicidade: