Gamereactor Internacional Português / Dansk / Svenska / Norsk / Suomi / English / Deutsch / Italiano / Español
Iniciar sessão






Esqueceu-se da password?
Não estou registado mas quero registar-me

Prefiro iniciar sessão com a conta de Facebook
FacebookFacebook
análise

Super Mario Maker

A melhor forma da Nintendo celebrar os 30 anos de Super Mario.

Pode não parecer à primeira vista, mas Super Mario Maker é uma obra-prima, além de ser um tributo e uma lição aos 30 anos de um maiores ícones dos videojogos. É também um passo em frente para a Nintendo, que procura explorar novas fórmulas com as suas séries. Se cresceram a jogar Super Mario Bros., Mario Maker também pode ser um estranho estímulo para conhecimentos que podem estar adormecidos na vossa memória. É também um jogo que educa, permite, encoraja e diverte com uma simplicidade e uma alegria como só Super Mario consegue.

Os nossos primeiros passos com Super Mario Maker, há já algumas semanas, não foram tão entusiasmantes. Pelo contrário, sentimos-nos inseguros quanto à qualidade e ao propósito do jogo, sobretudo porque as primeiras horas são focadas em níveis com um design muito limitado. Não foram as melhores primeiras impressões, mas quanto mais tempo jogávamos, mais difícil se tornava largar Super Mario Maker. Eventualmente começamos a desfrutar das criações mais bizarras dos nossos colegas, enquanto despertava também em nós um novo sentido de criatividade.

Publicidade:

Muitas horas depois, podemos confessar o espanto com o que já vimos criado por outros jogadores e colegas, e a nossa mente fervilha com ideias para novos níveis. Super Mario Maker oferece as ferramentas certas para desbloquear a criatividade dos jogadores, e é bem possível que se surpreendam, não só com o que os outros vão fazer, mas com as vossas próprias criações. Em boa parte, o sucesso de Super Mario Maker deve também ser atribuído à forma como o jogo foi desenhado. Esta não é a primeira tentativa da Nintendo com este tipo de conceitos virados para a criatividade dos jogadores, mas é sem dúvida a que vai mais longe em termos de possibilidades. Isto sem abdicar da qualidade, do equilíbrio e da excelência de design a que a Nintendo nos habituou.

Suspeitamos que os jogadores não vão gostar de ver muitas das opções bloqueadas de início, mas parece-nos uma boa opção de design. Inicialmente podem ter a sensação de que estão limitados e que não existem muitas possibilidades, mas isso é um engano. Em pouco tempo vão perceber que, mesmo com um leque mais reduzido de opções, têm ferramentas suficientes para criar muito conteúdo criativo e divertido. Inicialmente vão aprender os conceitos básicos para a criação do nível, e será esse princípio que vos permitirá mais tarde construir fundações sólidas para os vossos níveis.

Existe muito conteúdo incluído de raiz no jogo, de que podem desfrutar mesmo sem se ligarem à internet. Parte desse conteúdo é tradicional, com forte ligação ao passado, enquanto que outros níveis são mais originais e corajosos na sua abordagem. Independentemente de jogarem este conteúdo, ou os níveis que eventualmente serão criados pelos jogadores, vão estar constantemente a assimilar ideias. Mecânicas e técnicas de design que provavelmente nunca teriam imaginado sem inspiração.

Publicidade:

As ideias da comunidade também podem ser interessantes para perceber o que não funciona num nível. Vai naturalmente existir muito conteúdo criado pelos jogadores que não terá qualquer apelo, e é precisamente para distinguir o trigo do joio que foi incluído um sistema de votações. Podem seguir criadores específicos, espreitar as sugestões diárias da Nintendo, olhar para as criações mais votadas, ou tentar versões mais difíceis dos 100 níveis criados de raiz pela Nintendo.

O jogo ainda não está propriamente disponível e já existem muitas ideias interessantes a circular entre os jogadores/jornalistas que conseguiram Super Mario Maker mais cedo. No nosso caso, estamos neste momento a trabalhar num nível de Super Mario Bros. 3, em que o jogador deve tentar escapar de uma prisão feita de blocos. Uma das modas da comunidade reside nos chamados níveis automáticos, onde o nível inteiro está desenhado de forma a que não seja necessário tocar no comando. Basicamente assistem a um desenrolar de eventos que levam Super Mario até à bandeira sem precisar da vossa ajuda. Algumas pessoas até estão a trabalhar numa espécie de shooter, com uma nave, movimento automático, uma flor de fogo e inimigos voadores.

É por isso importante que o jogo desfrute de uma grande ligação entre todos os setores da experiência. Tudo funciona de forma lógica e simples, permitindo variar entre criar e jogar, procurar níveis novos ou verificar comentários às nossas criações, tudo com grande facilidade. Também gostámos bastante da integração do Miiverse, que permite deixar pistas para outros jogadores, mas um dos toques mais geniais é a sinalização de zonas em que os jogadores já perderam muitas vidas.

Super Mario Maker é um jogo fantástico e um editor soberbo, mas é mais que isso, é um produto muito especial, sobretudo por três motivos que explicamos em baixo:

Valor educacional:
Super Mario Maker é fantástico para aprender um pouco sobre o processo criativo de desenhar um jogo, e não pode ser comparado a jogos como Minecraft e outros editores por isso mesmo. Ao somarem horas em Super Mario Maker, vão aprender filosofias de jogo, mecânicas, e design de níveis. É uma ferramenta em que podem aprender e que provavelmente aumentará a vossa apreciação por videojogos, clássicos e modernos.

É uma comemoração merecida:
Não se deve descurar o elemento comemorativo de Super Mario Maker. Estamos a falar dos 30 anos de Super Mario, um fenómeno que tanto fez pela popularização e crescimento dos videojogos, e que encanta jogadores há três gerações. As constantes referências vão trazer um sorriso aos vossos lábios, mas a forma como permite perceber o trabalho por trás destes jogos, aumenta a relevância do que já é uma saga única.

O que significa para a Wii U e para Super Mario:
A Wii U tem vários jogos de qualidade, a maioria exclusivos da Nintendo, mas foram poucos os que souberam aproveitar de facto as características da Wii U e do GamePad. Super Mario Maker é diferente, e é possivelmente o melhor exemplo do que a Wii U pode fazer. Também será curioso perceber que direção irão os jogos de Super Mario tomar depois de Mario Maker, já que existe aqui o potencial para seguir numa nova direção.

Estas são as cerejas no topo de um magnífico bolo de aniversário para Super Mario. É um jogo que impressiona, não pelo exercício clássico de saltar de plataforma em plataforma, mas das muitas ideias que vão descobrir e partilhar. Além de ter o potencial para mudar a vossa perceção em relação a Mario e até aos videojogos em geral.

Gostaríamos que a Nintendo adaptasse Super Mario Marker à 3DS e potencialmente à nova NX, já que é um jogo que deve ser desfrutado pelo maior número de jogadores possível. Surpreendeu-nos, quando nos apercebemos como ainda pode ser divertido 'brincar' com a fórmula clássica de Super Mario, mas mais importante que isso, foi a forma como nos incentivou a criar, a inovar e a partilhar as nossas ideias com amigos, colegas, e o resto do mundo.

Super Mario MakerSuper Mario MakerSuper Mario Maker
Super Mario MakerSuper Mario MakerSuper Mario Maker
Super Mario MakerSuper Mario MakerSuper Mario Maker
10 Gamereactor Portugal
10 / 10
+
Muitas referências e tributos fantásticos. É a melhor utilização do GamePad até à data. Bom valor educacional.
-
Gostaríamos de ter mais opções musicais. Esperamos ver ainda mais conteúdo e ferramentas no futuro, introduzidos via DLC.
Publicidade: